Falar com crianças sobre temas como racismo pode ser uma tarefa complexa para muitas famílias, seja por desconhecimento, por desconforto ou por não entenderem a importância de preparar as crianças, de modo seguro e com sensibilidade, a tudo que elas verão e enfrentarão.

A complexidade do tema não pode se tornar um empecilho para que o assunto seja tratado, já que desde pequenas as crianças começam a entender e distinguir o que é certo e o que é errado. Quando adultos não falam sobre e não repreendem o racismo, as crianças podem entender que isso não é um problema e acabar reforçando estereótipos e preconceitos.

Mas como tratar sobre esses temas tão importantes de forma saudável para as crianças? Além de muita conversa e carinho, livros e desenhos podem servir como um material de apoio para que o racismo, a negritude e a branquitude sejam discutidas de forma lúdica e com linguagem apropriada para crianças.

A Leiturinha e o PlayKids App separaram os principais livros e desenhos dentro do tema para apresentar às crianças:

Livros (disponíveis na Loja Leiturinha)

O Mundo no Black Power da Tayó – Kiusam de Oliveira

Tayó é uma menina negra que tem orgulho do cabelo crespo com penteado black power, enfeitando-o das mais diversas formas. A autora apresenta uma personagem cheia de autoestima, capaz de enfrentar as agressões dos colegas de classe, que dizem que seu cabelo é “ruim”. Mas como pode ser ruim um cabelo “fofo, lindo e cheiroso”? “Vocês estão com dor de cotovelo porque não podem carregar o mundo nos cabelos”, responde a garota para os colegas. Com essa narrativa, a autora transforma o enorme cabelo crespo de Tayó numa metáfora para a riqueza cultural de um povo e para a riqueza da imaginação de uma menina sadia.

Heroínas Negras Brasileiras em 15 Cordéis – Jarid Arraes

Dandara dos Palmares, Maria Firmina dos Reis, Tereza de Benguela, Carolina Maria de Jesus… Nesta obra, Jarid Arraes apresenta, por meio da linguagem poética tipicamente brasileira da literatura de cordel, 15 histórias de mulheres negras que fizeram a História do Brasil. Com ilustrações de Gabriela Pires, este livro é um alerta para a importância da multiplicidade de vozes na história e sobre o verdadeiro papel da mulher na sociedade, ser quem ela quiser ser.

O Pulo do Coelho – Lázaro Ramos

Gusmão era um menino “querente”. Queria aprender o passinho de dança, queria tomar chuva sem hora pra acabar, queria acalmar a avó. Queria tudo e ao mesmo tempo. Como toda criança.Um dia, Gusmão teve um sonho. Sonhou que era um coelho e que estava em um circo. Mas Gusmão, todo querente, não queria ser coelho, queria mesmo era ser mágico. No meio desta aventura circense, o menino vai descobrir que o mais importante é não desistir do próprio sonho.

Zum Zum Zumbi – Sonia Rosa

É feriado! Hoje tem bolo, suco de laranja e brincadeira de pião lá em casa. Mas por que hoje é um dia tão importante? Ora, porque hoje é dia 20 de novembro, dia da consciência negra, dia de Zumbi dos Palmares. Você sabe quem foi esse herói que ? Sente-se para comer um bolo comigo que eu conto tintim por tintim sobre a vida do Zum Zum Zum biiii… Zum Zum Zumbiiiiii.

O Pequeno Príncipe Preto – Rodrigo França

Em um minúsculo planeta, vive o Pequeno Príncipe Preto. Além dele, existe apenas uma árvore Baobá, sua única companheira. Quando chegam as ventanias, o menino viaja por diferentes planetas, espalhando o amor e a empatia. O texto é originalmente uma peça infantil que já rodou o país inteiro. Agora, Rodrigo França traz essa delicada história no formato de conto, presenteando o jovem leitor com uma narrativa que fala da importância de valorizarmos quem somos e de onde viemos – além de nos mostrar a força de termos laços de carinho e afeto. Afinal, como diz o Pequeno Príncipe Preto, juntos e juntas todos ganhamos.

Desenhos disponíveis no PlayKids App

Mundo Bita

“Na Galáxia da Alegria, entre o Planeta Música e o Planeta Circo, está o maravilhoso Mundo Bita. Habitado por seres verdes super engraçados chamados Plots, o lugar é mais conhecido por ser a casa do nosso amigão de bigode laranja e cartola na cabeça, o Bita! Basta usar a imaginação e o Mundo Bita estará pertinho de nós, com histórias musicais encantadoras, que unem educação e alegria. Juntos com os amiguinhos Lila, Dan e Tito, podemos viver grandes descobertas e compartilhar momentos com mais amor e solidariedade.”

O desenho levanta bandeiras importantes de representatividade, com uma família diversa. O destaque fica para o episódio “A diferença é o que nos une”, que levanta tópicos importantes sobre diversidade e respeito.

Grandes Pequeninos

“Um lugar onde o normal é ser diferente, onde a diversão é ditada pela música e o aprendizado acontece com muitas aventuras e boas risadas! Esse é o mundo dos Grandes Pequeninos, uma série musical com 14 clipes animados, que abordam de maneira lúdica valores fundamentais na formação dos seres humanos. Entrar no compasso dessa incrível família, é dançar no ritmo da vida!”

Criado por Jair Oliveira e Tania Khalill, o desenho tem como um de seus principais pilares a valorização da diversidade e da representatividade. Ele traz, de forma leve e musicada, a importância das diferenças e o respeito ao próximo.

Mytikah

“Os irmãos Manga e Leco se divertem com um livro mágico que conta histórias de heróis brasileiros. Eles se transportam para a realidade dos personagens e os ajudam em suas missões, testemunhando grandes feitos da história.”

Entre as figuras apresentadas pelo desenho estão Machado de Assis, Milton Santos, Aleijadinho e Chiquinha Gonzaga, pessoas pretas de grande importância para a história brasileira.

Pequenos Ilustres

“A Série Pequenos Ilustres chegou para apresentar grandes celebridades mundiais para as crianças, em forma de desenho animado. Em uma maneira leve e lúdica, adaptada a linguagem infantil, a série acompanha uma historinha sobre a personalidade, e uma música, para que os pequenos possam aprender se divertindo.”

O destaque para a série é o episódio de Machado de Assis, autor negro e um dos mais importantes escritores do Brasl.

Shake Shake

“Com músicas divertidas que se aproximam do estilo pop e hip hop, e um visual dinâmico que estimula as crianças a aprenderem as coreografias e dançarem junto com os dois bailarinos, que também são crianças, a série Shake Shake traz o exercício físico e a musicalidade através da dança. De uma maneira lúdica, divertida e acessível!”

A série traz e traz representatividade étnica nos atores, que gera identificação nas crianças que estão assistindo.

As aventuras de Amí

“Ao lado de seu cachorro Balú e amigo, Tim mostra que através da imaginação é possível resolver os desafios, transformando o mundo que nos cerca em um lugar mais divertido e aventureiro.”

Além da criatividade, o desenho aborda temas como representatividade e identidade cultural.

Bino & Fino

“Os irmãos Bino e Fino vivem na África com sua família. Com a ajuda de sua amiga Zeena, a borboleta mágica, os dois aprendem sobre a cultura e beleza do continente Africano.”

A séria trabalha identidade cultural e representatividade, e apresenta às crianças elementos formadores da cultura africana e os pais podem trazer paralelos com a sua presença na cultura Brasileira.

African Nursery Rhymes

“De Cabo Verde ao Congo, da África Central a Madagascar, conheça a África através de rimas coloridas e alegres, que farão pais e filhos viajarem.”

A série trabalha a identidade cultural dos países africanos, trazendo músicas da cultura africana, e a representatividade.

Sobre a Leiturinha

A Leiturinha é o maior clube de assinatura de livros infantis do Brasil e um dos produtos oferecidos pela PlayKids. Criada em 2014, ela promove o hábito da leitura compartilhada para 190 mil famílias, em mais de 5.100 cidades brasileiras. A atuação da Leiturinha se baseia no incentivo à leitura e na excelência da curadoria dos livros, para proporcionar experiências de aprendizado e diversão em família. Para saber mais, acesse o site da Leiturinha: https://leiturinha.com.br/

Share.

Leave A Reply