Até domingo (24/10), o Itaú Cultural realiza a programação de abertura de Dona Ruth: Festival Negro de Teatro de São Paulo. O evento chega à 3ª edição neste ano em que se comemora o centenário de nascimento de Ruth de Souza (1921-2019), pioneira no teatro, cinema e televisão como a primeira artista negra a conquistar projeção na dramaturgia brasileira.

Nesta quarta (20/10), a abertura do festival contou com o show Itamares, realizado ao vivo pela cantora e compositora Anelis Assumpção no palco da Sala Itaú Cultural. A apresentação foi antecedida pela performance audiovisual, pré-gravada, Centelhas de Ruth de Souza, na qual a poeta Luz Ribeiro reverencia o legado da atriz.

https://www.youtube.com/watch?v=M3hAYjvjmOg

Nos quatro dias seguintes, a programação segue on-line, também às 20h – com exceção do domingo às 19h – na edição do Palco Virtual do Itaú Cultural integralmente voltada ao festival e realizada via Zoom. Com artistas de diferentes regiões do país, é apresentada a ação Ato Artístico, com seis criações cênicas audiovisuais de artistas indígenas e negros do Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco e Rio Grande do Sul, revelando formas não-hegemônicas de olhar para o mundo.

Todas as noites são encerradas com Giras de Conversa, em conversas com convidados sobre as apresentações. Os ingressos são gratuitos e devem ser reservados via Sympla. Mais informações: www.itaucultural.org.br.

Parceria

A parceria do Itaú Cultural com o Dona Ruth: Festival de Teatro Negro de São Paulo foi iniciada em maio de 2021, quando, em comemoração ao centenário de Ruth de Souza, a instituição postou em seu site a carta que a atriz e produtora cultural Ellen de Paula e o dramaturgo, ator, diretor e produtor Gabriel Cândido entregaram a Ruth de Souza em 2019, falando da ideia da programação. Em sua 3ª edição, o festival tem alcance nacional, com atividades virtuais realizadas em parceria com o Itaú Cultural, o SESC SP, a Secretaria Municipal de Cultura, o Museu Afro Brasil e a Oficina Cultural Oswald Andrade. A programação completa pode ser conferida no site oficial do festival https://donaruthftnsp.com.br/.

“Para nós, tem sido fundamental o apoio institucional que recebemos do Itaú Cultural e de todas as demais instituições parceiras que constroem esta edição conosco, demonstrando compromisso no enfrentamento das estruturas que historicamente subalternizam, apagam e matam – também no campo das artes, da educação e da cultura – as presenças, as histórias, as lutas, as memórias e os saberes dos povos negros e indígenas”, conclui Ellen de Paula, uma das idealizadoras do festival.

SERVIÇO:

Abertura: Dona Ruth: Festival de Teatro Negro de São Paulo – 3ª edição
No Itaú Cultural
De 20 a 24 de outubro (quarta-feira a domingo)
Mais informações em: www.itaucultural.org.br

Share.

Leave A Reply