23 de Setembro, 2020

Barbies negras “entram” na disputa presidencial norte-americana

Atos em torno do movimento Vidas Negras Importam nos Estados Unidos estão influenciando as eleições presidenciais a serem realizadas no país em novembro deste ano. A Barbie candidata negra pode fazer alusão a vice-presidente de Joe Biden, ainda não escolhida

Aproveitando o gancho das eleições presidenciais norte-americanas, a Mattel lançou o “Time de Campanha 2020 da Barbie”. Criado para incentivar meninas a papéis de liderança pública e despertar seu interesse em moldar o futuro, a nova coleção é composta por bonecas representando uma candidata à presidência, que é negra, coordenadoras de campanha e de angariação de fundos, além de uma eleitora.

Os atos em torno do movimento Vidas Negras Importam nos Estados Unidos estão influenciando as eleições presidenciais a serem realizadas no país em novembro deste ano. A Barbie candidata negra pode fazer alusão a vice-presidente de Joe Biden, ainda não escolhida, mas o Partido Democrata garantiu que será uma mulher negra.

A estratégia de dar visibilidade a questões eleitorais usando a boneca não é nova. Em 1992, a Mattel lançou a primeira Barbie a participar de uma corrida presidencial. A ação de 2020 é a oitava do tipo. A Mattel está atuando em parceria com a ONG She Should Run – “Ela deve concorrer”. A instituição trabalha para aumentar o número de presenças femininas que pensam em disputar cargos públicos.

Com informações do Notícia Preta

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support