Lloyd conheceu Biden em 2008

Lloyd J. Austin pode ser primeiro negro a comandar Pentágono

Após vencer as eleições com a promessa de unir povos, o presidente eleito dos Estados Unidos Joe Biden dá sinais de que pode nomear o general Lloyd J. Austin III para o cargo de secretário da Defesa. As informações são da imprensa norte-americana.

O militar tem 67 anos e já ocupou o posto de vice-chefe de gabinete do Exército, a segunda mais alta função na hierarquia. Se confirmada a nomeação, Lloyd será o primeiro homem negro a chefiar o Pentágono na história dos EUA.

Caso nomeado, o general terá de ser aprovado pelo Congresso. A lei do país estabelece uma sabatina para militares que estejam na reserva há no máximo sete anos. Lloyd está na reserva há quatro.

Lloyd J. Austin com Joe Biden

A aproximação do militar com Biden se deu em 2008, quando o democrata foi eleito vice-presidente na chapa de Barack Obama. Quatro anos depois, o general ocupou o posto de vice-chefe de gabinete do Exército e em 2013 assumiu o Comando Central dos EUA.

Foi ele o responsável pela estratégia de combate aos terroristas do Estado Islâmico na Síria e no Iraque.

Lloyd J. Austin com Barack Obama

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *