>
26 de Setembro, 2021
unnamed 3

Foto: divulgação

Liniker cresce 355% na Deezer após álbum solo; ouça

Levantamento revela que o Japão é o segundo país que mais distribui streams para a cantora, que já é um dos maiores nomes da música brasileira com sucesso internacional

Lançado na última quinta-feira (9/9), o álbum Índigo Borboleta Azul fez Liniker crescer 355% na plataforma de streamings Deezer. O trabalho de estreia da cantora na carreira solo nasce depois de um EP e dois álbuns com a banda Os Caramelows.

As canções mais executadas são “Antes de Tudo” e “Baby 95”, já conhecida do público desde junho último. A música foi lançada como segundo single do álbum (o primeiro foi “Psiu”) e figura como uma das grandes composições da obra, que mistura soul, R&B, hip-hop, samba, samba-rock e pagode.

Liniker define o novo trabalho como “um disco de preto”, com letras carregadas dos sentimentos mais atuais da artista, desde memórias da infância e adolescência, romances, representatividade e muito amor próprio. Duas participações pra lá de especiais marcam o álbum: Milton Nascimento, em “Lalange”, e Tássia Reis, em “Diz quanto custa.”

Além dos fãs no Brasil, a cantora tem admiradores também no Japão. O país é o segundo do mundo que mais dá streamings para a cantora, seguido por Estados Unidos, França e Irlanda. Levantamento da Deezer aponta ainda que 43% dos ouvintes de Liniker são jovens adultos na faixa dos 26 a 35 anos, seguidos por aqueles de 18 a 25 (30%) e os palyers com idade entre 36 e 45 (18%).

Ainda não ouviu “Índigo Borboleta Anil”? A gente te ajuda. Clique aqui.
SAIBA MAIS SOBRE LINIKER. CLIQUE AQUI.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *